Conecte-se Conosco

Campeonato Brasileiro

Fluminense e Atlético-MG não passam do 1 a 1; veja outros resultados pelo brasileirão

Roy Junior

Publicado

em

Publicidade

Após uma paralisação de 10 dias por causa da Data Fifa de junho, o Campeonato Brasileiro voltou a ser disputado nesta quarta-feira (21). No jogo transmitido pela Rádio Nacional, Fluminense e Atlético-MG ficaram no 1 a 1 no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, em uma partida na qual a qualidade técnica foi suplantada pela luta das equipes.
Este resultado manteve o Tricolor das Laranjeiras na 5ª posição com 18 pontos, enquanto o Galo está em 4º com um pontos a mais.

Fluminense e Atlético-MG fizeram um primeiro tempo muito aberto, com oportunidades de lado a lado. E o Galo, que teve a estreia do técnico Luiz Felipe Scolari, conseguiu sair na frente em um lance de azar do Tricolor. Aos 34 minutos do primeiro tempo, Guilherme Arana recebeu na esquerda de Paulinho e levantou a bola na área, onde Cano raspou antes de a bola bater em Guga e ir para o fundo do gol defendido por Fábio.

O gol fez bem para os visitantes, que passaram a dominar as ações. Mas, momentos antes do intervalo, o time das Laranjeiras igualou. Ganso cobrou falta na área, Bruno Fuchs afastou parcialmente e a bola sobrou com o lateral Samuel Xavier, que bateu com força de direita para deixar tudo igual.

Se a etapa inicial foi marcada por boas oportunidades de lado a lado, o segundo tempo foi muito brigado, com pouca técnica e muita luta. O lance de maior destaque do período foi a expulsão do técnico Fernando Diniz, já aos 54 minutos, por reclamação.

Oportunidade desperdiçada
O Palmeiras foi até a Arena Fonte Nova, em Salvador, e desperdiçou a oportunidade de dormir na liderança do Brasileiro, pois perdeu por 1 a 0 para o Bahia e estacionou nos 22 pontos, dois a menos do que o Botafogo, que pega o Cuiabá na próxima quinta-feira (22) na Arena Pantanal.
O gol da partida saiu já aos 47 do segundo tempo, quando Cauly fez grande jogada individual e a bola sobrou para Daniel, que bateu forte da entrada da área. O goleiro Marcelo Lomba deu rebote e Thaciano não perdoou para marcar o 12º ponto do Bahia, atual 14º colocado do Brasileiro.

Bombas no gramado
O ponto negativo da rodada foi registrado na Vila Belmiro, onde o confronto entre Santos e Corinthians foi encerrado, pelo árbitro Leandro Pedro Vuaden, aos 44 minutos do segundo tempo, quando parte da torcida da equipe da casa jogou bombas e sinalizadores dentro do gramado. Após este episódio lamentável fica a expectativa de uma possível punição do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Com a bola rolando, o Timão foi mais eficiente e triunfou por 2 a 0. Os gols saíram na etapa inicial, com o atacante com Yuri Alberto aos 18 minutos do primeiro tempo e com João Lucas, que desviou para o gol de sua própria equipe aos 27 minutos. Com o revés, o Peixe permanece com 13 pontos, na 13ª posição. Já o Corinthians aparece na 15ª posição, com 12 pontos.

São Paulo vence no Morumbi
Uma equipe que não vacilou em casa foi o São Paulo. Após ver o Athletico-PR abrir o placar com o atacante Vitor Roque aos 10 minutos do primeiro tempo, o Tricolor virou no Morumbi graças a gols de Gabriel Neves, aos 18, e de Luciano, com um belo chute no ângulo no primeiro minuto da etapa final.
Após este triunfo o São Paulo saltou para a 6ª posição da tabela com 18 pontos. Já o Furacão ficou em 9º, com 16 pontos.

Visitante vitorioso
Mesmo jogando no estádio do Mineirão, o Cruzeiro viu o Fortaleza vencer por 1 a 0 graças a gol do argentino Lucero, após rápido contra-ataque, aos 34 minutos do segundo tempo. Após este resultado o Leão chegou aos 17 pontos, assumindo a 8ª posição da classificação. Já o Cruzeiro permanece com 14, na 10ª colocação.

Publicidade

Fonte: Agência Brasil

Comente usando o Facebook

Publicidade

O Portal Roy NEWS acredita no Jornalismo comprometido com a verdade dos fatos e com a ética, trazendo sempre os principais fatos de Paranavaí e região, além dos destaques nacionais e da mídia.

Clique Para Comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Entrar

Deixe uma Resposta

Campeonato Brasileiro

Suárez e Aline Gomes ganham Bola de Ouro do Campeonato Brasileiro

Roy Junior

Publicado

em

Publicidade

A mais tradicional – e a maior – premiação do futebol nacional, a ESPN Bola de Prata Sportingbet, elegeu hoje (7), em São Paulo, os melhores jogadores e as melhores jogadoras do Campeonato Brasileiro. E os premiados com a Bola de Ouro foram Aline Gomes, da Ferroviária, e Luís Suárez (foto), do Grêmio.
Além da Bola de Ouro, a jogadora Aline Gomes também foi recebeu duas Bolas de Prata de revelação do campeonato e melhor atacante. Já Suárez levou também a Bola de Prata de melhor atacante.

“Sempre vou me lembrar de todo o carinho da gente daqui, do torcedor do Grêmio e dos torcedores de outros times. Isso vai ficar na minha lembrança”, disse Suárez, que está se despedindo do Brasil. Ele deve ir para o Inter Miami, onde joga seu amigo Leonel Messi.

Aline, a maior vencedora da noite, celebrou os prêmios que recebeu. “Fiquei sabendo que tinha recebido o Bola de Ouro e também de [melhor] atacante. Mas o de revelação foi uma surpresa, só foi revelado na hora. Estou muito feliz”, disse ela.

Quando questionada se poderá, no futuro, se tornar sucessora da Marta, considerada a maior jogadora da história do Brasil e do futebol mundial, Aline disse que poderá assumir essa responsabilidade. “Essa é uma responsabilidade muito grande, mas aceito. Vou pegar para mim essa responsabilidade. Igualar-me a ela será muito difícil, não tem como comparar. Mas aceito esse posto e vou treinar bastante [para isso]”, argumentou.

Bola de Prata
Com a Bola de Prata, que premia os melhores jogadores e jogadoras do campeonato em diversas categorias, a equipe que teve mais atletas premiados foi o Palmeiras, que se consagrou campeão brasileiro na noite de ontem (6), conquistando o 12º título no Campeonato Brasileiro.

No masculino, o Palmeiras conquistou a Bola de Prata de melhor treinador para Abel Ferreira. Também foram premiados o jovem Endrik (revelação e gol mais bonito), o goleiro Weverton, Raphael Veiga (meia), Mayke (lateral-direito), Murilo (zagueiro) e Piquerez (lateral-esquerdo).
Outros jogadores que levaram a Bola de Prata foram: Adryelson (zagueiro do Botafogo), Villasanti (volante do Grêmio), Pulgar (volante do Flamengo), Arrascaeta (meia do Flamengo) e Hulk (atacante do Atletico-MG). Paulinho, do Atlético-MG, levou a Bola de Prata de artilheiro do Brasileirão, com 19 gols.

Técnico do Palmeiras quer descansar
Durante entrevista após receber o prêmio de melhor técnico de uma equipe masculina no Campeonato Brasileiro, Abel Ferreira falou sobre a sua permanência no Palmeiras. “Primeiro de tudo eu preciso descansar. Não posso tomar boas decisões no meio do furacão. Sou um treinador muito emocional. Tomei decisões muito egoístas nos últimos anos que tiveram impacto na minha família. Mas há uma forte oportunidade de eu continuar o meu contrato, gosto de cumprir meus contratos”, disse ele, reforçando que ainda vai pensar sobre o assunto.

“Ao contrário do que alguns pensam, ganhar de forma consecutiva dá muito trabalho. É um desgaste muito grande, é preciso muita energia. E eu preciso ter energia: mas quem cuida de mim para eu cuidar dos outros? Minha função é cuidar dos outros, inspirar os outros, passar energia aos outros. Mas quem faz isso comigo? Foram três anos muito intensos, muito prazerosos, de muitas conquistas, de muitas alegrias e algumas desilusões. Mas o mais importante agora é pedir que os torcedores palmeirenses desfrutem do título e não pensem no treinador do Palmeiras. Um dia o treinador do Palmeiras vai embora. Não sei quando. Mas o Palmeiras vai continuar sendo grande. Mas o que preciso agora é ir para casa e descansar, desligar as luzes e estar com minha família”, completou.

Futebol feminino
Já no futebol feminino, o grande vencedor foi o Corinthians, que venceu todas as quatro competições que disputou este ano: Libertadores, Paulista, Brasileiro e Supercopa do Brasil. O então técnico da equipe, Arthur Elias, que atualmente assumiu a seleção brasileira feminina, também foi premiado como o melhor treinador do Brasileiro. Também foram premiadas as jogadoras Kati (lateral-direita), Duda Sampaio (meia), Jheniffer (atacante), Yasmin (lateral-esquerda), Luana Bertolucci (volante), Vic Albuquerque (meia).

Publicidade

Outras jogadoras que foram contempladas com a Bola de Prata foram Luciana (goleira da Ferroviária), Day Silva e Luana (zagueiras da Ferroviária) e Brena (Santos).
Amanda Gutierres (Palmeiras) levou a Bola de Prata como artilheira (14 gols) e Vanessinha (Cruzeiro) venceu a disputa do gol mais bonito da competição.
Aos jornalistas, após receber o prêmio, o técnico Arthur Elias disse que 2023 foi um “ano fantástico” para ele.

“Vencemos os quatro campeonatos que disputamos. Sair do Corinthians com esse resultado é muito gratificante para mim, deixei um grande legado. Além desse ano histórico para o clube, veio o convite para a seleção brasileira. Me preparei muitos anos para isso e eu estou otimista com tudo o que posso construir lá. A gente quer colocar a seleção brasileira em outra posição e que todo mundo volte a respeitar e admirar a seleção. Elas [as atletas] merecem”, ponderou.

Bola de Ouro
A edição deste ano marca os 50 anos do troféu Bola de Ouro, destinado ao melhor jogador e melhor jogadora do Campeonato Brasileiro. O troféu foi criado em 1973, após três edições do Bola de Prata, evento que, na época, era promovido pela Revista Placar. Na primeira edição, houve um fato inusitado, que nunca mais se repetiu: o prêmio foi dividido entre dois jogadores: o goleiro argentino do Santos, Agustín Cejas, e o zagueiro uruguaio do Grêmio, Atílio Ancheta.

Ao longo dos anos, a iniciativa consagrou grandes craques e nomes do futebol brasileiro como Zico, que levou o prêmio em 1974 e em 1982 pelo Flamengo. Além dele, também ganharam duas Bolas de Ouro os jogadores Falcão (em 1978 e 1979), Toninho Cerezo (1977 e 1980), o goleiro Roberto Costa (1983 e 1984) e César Sampaio (1990 e 1993).
Outros grandes jogadores que já receberam o troféu foram Neymar (2011), Ronaldinho Gaúcho (2012) e Romário (2000). Desde 2021, o prêmio passou também a contemplar a competição feminina.

Fonte: Agência Bras9il

Comente usando o Facebook

Publicidade
Continue Lendo

Campeonato Brasileiro

Palmeiras conquista o 12º Campeonato Brasileiro de sua história

Roy Junior

Publicado

em

Publicidade

O Palmeiras garantiu o 12º título do Campeonato Brasileiro de sua história após empatar em 1 a 1 com o Cruzeiro, na noite desta quarta-feira (6) no estádio do Mineirão. Também na 38ª rodada da competição nacional foi definida a última equipe rebaixada para a Série B, o Santos, que disputará pela primeira vez na história a segunda divisão.
Mesmo atuando diante de uma Raposa sem mais nenhuma ambição no torneio nacional, o Verdão não encontrou facilidades. Após sofrer pressão nos momentos iniciais da partida, o Palmeiras conseguiu abrir o placar aos 20 minutos em um momento de desatenção da defesa adversária. O volante Lucas Silva errou na intermediária e Endrick aproveitou para dominar e bater de cavadinha. O goleiro Rafael Cabral defendeu parcialmente e permitiu que o jovem atacante da equipe paulista mandasse para o fundo das redes.

Publicidade

A partir daí o Palmeiras passou a colecionar oportunidades de marcar. Porém o goleiro Weverton brilhou e conseguiu segurar a vantagem do Verdão até os 34 minutos da etapa final, quando Matheus Pereira tocou para Nikão, que bateu colocado para empatar o marcador. Com este resultado a equipe paulista fechou a competição com 70 pontos. Já a Raposa encerra a competição com 47 pontos, na 14ª posição.

Grêmio supera Fluminense
A 2ª posição do Brasileiro ficou com o Grêmio, que, mesmo jogando no estádio do Maracanã, derrotou o Fluminense por 3 a 2 para alcançar os 68 pontos. Já a equipe das Laranjeiras encerrou a competição na 7ª posição com 56 pontos no seu último compromisso antes do Mundial de Clubes.
O colombiano Arias, em cobrança de pênalti, abriu o placar para o Flu, mas, ainda no primeiro tempo, Suárez, em linda jogada individual, e Galdino viraram para a equipe de Porto Alegre. Na etapa final o artilheiro uruguaio do Grêmio voltou a deixar a sua marca, desta vez da marca penal, enquanto John Kennedy deu números finais ao placar com um golaço.

Queda do Santos
O dia também foi marcado pelo primeiro rebaixamento do Santos na história. Mesmo jogando na Vila Belmiro, o Peixe foi superado por 2 a 1 pelo Fortaleza estacionando nos 43 pontos. Como goleou o Atlético-MG por 4 a 1, o Bahia chegou aos 44 e se salvou. Quem também se garantiu na Série A em 2024 foi o Vasco, que bateu o Bragantino por 2 a 1 em São Januário para alcançar os 45 pontos.

Outros resultados:
Goiás 1 x 0 América-MG
São Paulo 1 x 0 Flamengo
Internacional 3 x 1 Botafogo
Coritiba 0 x 2 Corinthians
Cuiabá 3 x 0 Athletico-PR

Fonte: Agência Brasil

Comente usando o Facebook

Publicidade
Continue Lendo

Campeonato Brasileiro

Santos é rebaixado para a série B do Brasileirão pela 1ª vez na história.

Roy Junior

Publicado

em

Publicidade

O Santos Futebol Clube acaba de ser rebaixado para a série B do campeonato Brasileiro, algo que nunca havia acontecido antes. O clube, que dependia de si mesmo e dos resultados dos jogos entre Bahia x Atlético MG, e Vasco x Red Bull Bragantino, perdeu por 2 a 1 para o Fortaleza. O jogo terminou com parte da torcida santista invadindo o campo e causando uma “rebelião”.

Publicidade

Resultados: Santos 1 x 2 Fortaleza | Bahia 4 x 1 Atético MG | Vasco 2 x 1 Red Bull Bragantino

O campeão Brasileiro foi o Palmeiras, fechando com um empate em 1 a 1 contra o Cruzeiro. A tabela completa:

Comente usando o Facebook

Publicidade
Continue Lendo
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Policial

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas