Menu Right

Top Social Icons

Responsive Full Width Ad

Left Sidebar
Left Sidebar
Featured News
Right Sidebar
Right Sidebar

domingo, 3 de outubro de 2021

Atleta de Paranavaí ganha ouro no Salto em Altura no Brasileiro Sub-16

Foto-CBAt-Confederação Brasileira de Atletismo-Eric Guedes Cardoso Paranava

O paranaense e Paranavaiense Eric Guedes Cardoso (ASEMPAR/Paranavaí-PR) foi um dos destaque deste sábado no Campeonato Brasileiro que está sendo disputado em Cascavel e que sera encerrado neste domingo(3) Ontem(2). Ele venceu o salto em altura, com 1,75 m, e terminou em terceiro lugar no pentatlo, garantindo duas medalhas. Aos 15 anos, mostrou potencial.

Foto-Prof Leandro Lopes

“Estou muito cansado, porém extremamente feliz por chegar aqui e ser campeão brasileiro no salto altura e bronze no pentatlo, prova que eu nunca havia feito antes”, comentou. No pentatlo, Eric saltou 1,88 m no altura, sua melhor marca pessoal. Ele entrou no atletismo em 2017, na escolinha, em Paranavaí, na cidade em que nasceu. Disputou o Brasileiro Sub-18, em São Paulo, e fez 1,87 m no salto em altura.

O atleta é bolsista da prefeitura de Paranavaí que apoia o projeto

A paulista Maria Eduarda de Oliveira, de 14 anos, conquistou na tarde deste sábado (2/10) a segunda medalha de ouro no Campeonato Brasileiro Loterias Caixa Sub-16 de Atletismo, que termina neste domingo (3/10), no Centro Nacional de Treinamento em Atletismo de Cascavel, Paraná. A chuva forte da tarde prejudicou um pouco o andamento das provas e o desempenho dos participantes, mas nada que afetasse o nível técnico.

A atleta de Barra Bonita-SP ganhou na sexta-feira a prova do salto triplo, com 11,12 m (-1.8), e venceu na quarta etapa da competição o salto em altura, com 1,59 m.

“Eu faço as duas provas, o triplo e o altura. Eu comecei no altura, mas não tenho uma preferida. Eu amo as duas. Eu melhorei minha marca - tinha 1,57 m. Tentei 1,62 m e não consegui por detalhes, passei alto, mas não ergui o quadril. Mas saio muito estimulada porque é o meu primeiro Campeonato Brasileiro”, disse a atleta.
Geneciano Pereira da Silva, treinador de Maria Eduarda, lembra a evolução da saltadora. “Ela melhorou muito de um ano para cá. Está comigo há três anos, mais efetivamente há um ano e está tendo resultados expressivos no triplo e no altura e corre barreiras também”, disse. “Ela ganhou duas medalhas de ouro, mas tem muito a desenvolver ainda. Estamos trabalhando passo a passo para que ela consiga se desenvolver aos poucos, mas de forma significativa.”

Maria Eduarda Conceição da Silva (FME Timbó-SC) ficou com a medalha de prata, com 1,50 m, seguida de Lívia da Silva Américo (BNB Clube-CE), com 1,47 m.

Já Cledson Rodrigues Nurnberg (ASA São Ludgero-SC), de 15 anos, foi o campeão do pentatlo, com 3.067 pontos, e terceiro colocado no altura, com 1,70 m. “Foi um resultado muito bom no meu primeiro pentatlo. Eu sou novo na prova”, disse. Ele é atleta de San Ludgero, onde começou com 9 anos. “O meu professor me botou no pentatlo porque ele viu no ranking, somou todas as provas e viu que eu tinha chance de ganhar.”
Para o treinador Jemerson Fernandes, o futuro de Cledson ainda não está definido. "Ainda não definimos uma prova para ele e como treina tudo - barreiras, saltos, era uma menino do salto em altura - a gente optou por ele vir e fazer o pentatlo. Deu certo", comentou.
Vinícius de Brito (ACARISUL-SC) garantiu a prata no pentatlo, com 2.892 pontos, enquanto Kirian Petrus Baptista de Moura (Prefeitura de IVOTI/IEI-RS) ficou em segundo lugar no salto em altur, com 1,70 m.
No salto com vara, prova que sofreu muito por causa da chuva, Renan Firakawa Akamine (Centro Olímpico-SP) confirmou seu favoritismo e venceu com 3,70 m, melhor marca do ano. Wesley Henrique Dionísio da Silva (Centro Olimpico-SP) ficou em segundo lugar, com 3,00 m, seguido de Kauan Lima Batista (APA/SECEL Jaraguá do Sul-SC), com 2,90 m
Na classificação geral parcial, após quatro etapas, a APA/SECEL Jaraguá do Sul (SC) lidera a competição, com 53 pontos, seguida da ASEMPAR/Paranavaí (PR), com 43, e do Centro Olimpico-SP, com 40 pontos.
Sem a presença de público, por causa das restrições causadas pela pandemia da COVID 19, o Brasileiro Loterias Caixa Sub-16 tem transmissão ao vivo pelo youtube da CBAt: ASSISTA AQUI

Mais informações como programa horário, histórico, resultados e participantes CLIQUE AQUI
O Brasileiro Loterias Caixa Sub-16 tem apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) que desenvolve o Programa de Formação de Atletas juntamente aos clubes integrados e ENADs (https://cbclubes.org.br/).

A NewOn é patrocinadora do atletismo brasileiro para a saúde integral dos atletas e apoio às competições.

As Loterias Caixa são a patrocinadora máster do atletismo brasileiro.
O campeonato brasileiro Sub 16 termina neste domingo É reúne 500 atletas de todo Brasil

Fonte-Ass.Comunicação da CBAt-Confederação Brasileira de Atletismo

RoyNews




















Nenhum comentário

Postar um comentário

Responsive Full Width Ad

Copyright © 2018 Roy News | Du Pessoa Serviços Digitais (73) 9 8888 1488
close button
Anuncie