Menu Right

Top Social Icons

Error

Responsive Full Width Ad

Left Sidebar
Left Sidebar
Featured News
Right Sidebar
Right Sidebar
PARANAVAÍ Previsão do Tempo

quarta-feira, 25 de novembro de 2020

Morre Diego Armando Maradona Estrela do futebol argentino morreu após uma parada cardiorrespiratória, segundo o jornal ‘Clarín’

Diego Armando Maradona morreu nesta quarta-feira, aos 60 anos, após uma parada cardiorrespiratória. Um dos grandes da história do esporte e maior ídolo do futebol argentino, o astro sofreu o mal súbito no fim da manhã, quando ambulâncias foram chamadas à sua casa, onde se recuperava de uma cirurgia no cérebro. O ex-jogador, porém, não resistiu, tendo sua morte confirmada pela imprensa argentina e pela TV pública do país no começo da tarde.

Maradona já havia preocupado os fãs no começo do mês, quando foi internado às pressas, com sintomas de anemia. Na época, foi descoberta uma pequena hemorragia no cérebro, e o ex-jogador precisou passar por uma cirurgia para drená-la. Após mais de uma semana de internação, ele recebeu alta no dia 12 de novembro e teria ficado em casa no período.

Fonte G1 Por Redação do ge — Buenos Aires

Outros Jornais da Argentina-



Uma notícia que ninguém queria dar, mas um dia iria acontecer. Foi assim o o jornal argentino El Clarin, anunciou a morte de Diego Armando Maradona, agora há pouco. Dieguito, como é chamado na Argentina, teve uma parada cardiorrespiratória fulminante e não resistiu. Luto na Argentina. Ele estava em sua casa, em Tigre, cidade vizinha de Buenos Aires.

Abaixo, segue parte do texto que anunciou o morte do atleta:


E um dia aconteceu. Um dia aconteceu o inevitável. É uma bofetada emocional e nacional. Um golpe que reverbera em todas as latitudes. Um impacto mundial. Uma notícia que marca uma dobradiça na história. A frase que foi escrita várias vezes mas que foi driblada pelo destino agora faz parte da triste realidade: Diego Armando Maradona morreu.

O campeão mundial pela Seleção Argentina descompensou na manhã desta quarta-feira em casa do bairro de San Andrés, na partida do Tigre, em Buenos Aires, onde morou alguns dias após ter feito uma cirurgia na cabeça. Em 30 de outubro, ele completou 60 anos.


Villa Fiorito foi o ponto de partida. E a partir daí, daquele canto adiado da zona sul da Grande Buenos Aires, se explicam muitos dos condimentos que tinha o combo com que viveu Maradona. Uma vida televisionada daquela primeira mensagem diante das câmeras em um pasto em que um menino disse que sonha em jogar pela Seleção. Um salto no vazio sem pára-quedas. Uma montanha-russa constante com subidas e descidas íngremes.


Ninguém deu a Diego as regras do jogo. Ninguém deu ao seu ambiente (conceito tão naturalizado quanto abstrato e mutável ao longo de sua vida) o manual de instruções. Ninguém tinha joystick para administrar os destinos de um homem que com os mesmos pés que pisou na lama chegou a tocar o céu.

Talvez sua maior coerência tenha sido ser autêntico em suas contradições. O de não deixar de ser Maradona, mesmo quando nem ele podia suportar. Aquele que abriu amplamente a sua vida e naquela caixa de surpresas para despir muito da idiossincrasia argentina. Maradona são os dois espelhos: aquele em que é agradável nos olharmos e o outro que nos embaraça.

Redação com El Clarin

O ex-jogador de futebol e astro argentino, Diego Armando Maradona, morreu nesta quarta-feira (25) segundo o jornal argentino Clarín, aos 60 anos. Um dos maiores da história do esporte, Maradona se recuperava nas redondezas de Buenos Aires da operação de um edema cerebral e um quadro de abstinência.

Maradona sufrió un paro cardiorrespiratorio en la casa de Tigre en la que se había instalado tras su operación en la cabeza. http://clar.in/3fym9Ss

Conmoción total y profundo dolor en el fútbol argentino. Diego Armando Maradona murió este mediodía en su casa de San Andrés en la zona de Nordelta. El Diez se descompensó y sufrió un paro cardíaco, pero no resistió y no pudo ser reanimado por las nueve ambulancias que se acercaron hasta el lugar.

Jornal La Nacion- Argetentina

Murió Diego Maradona: sufrió un paro cardio respiratorio
RoyNews



Nenhum comentário

Postar um comentário

Responsive Full Width Ad

Copyright © 2018 Roy News | Du Pessoa Serviços Digitais (73) 9 8888 1488